Textos

É CORRETO PEDIR JUSTIÇA A DEUS?
 
Quando pedimos justiça a Deus estamos com o coração cheio de ira e vingança, e a ira do homem não opera a justiça de Deus (Tg 1.20) e a vingança pertence a Deus (Lv 19,18; Dt 32.35; Pv 24.29; Rm 12.19-20; Hb 10.30). Infelizmente no meio do povo evangélico tem uma maldita crendice: ORAÇÃO À CONTRÁRIA, eu chamo de (Reza), pois a oração é algo sagrado! Como são feitas estas rezas evangélicas? Vejamos: Os tais fazem campanhas para Deus matar, para Deus tocar na liderança e mudar o Pastor ou o dirigente do local, para Deus tirar o (a) namorado (a) deste e entregar para outros jovens. Eu já presenciei irmãs rezando para Deus apressar a morte do marido para que ela pudesse se casar com outro irmão veja que absurdo! E no meio disto existem certos (profetas) que dão todo o apoio com suas supostas visões, revelações e até profetizam que isso vai acontecer. Sabemos que no meio destes incautos estão os demônios operando as suas mentiras, pois só de pensarem em outra pessoa que não é o seu cônjuge já é adultério diante de Deus (Mt 5.28). Quando uma pessoa pede justiça a Deus está pedindo castigo divino sobre o seu semelhante, não é uma oração baseada no amor, na verdade, na luz e principalmente na Santa Palavra de Deus! Eu também já presenciei certas irmãs colocando agulhas nas fotos dos seus inimigos e enfiando nos Salmos e era o Salmos 109. Precisamos entender que Davi vivia na época da lei a onde era olho por olho e dente por dente (Ex 21.23-27; Lv 24.19-20; Dt 19.21), e os tempos eram outros. Há vários Salmos que Davi pede a Deus castigo para os seus inimigos e isso não desagradava a Deus, pois a lei assim ensinava. Mas no tempo da graça, JESUS NOS DIZ: Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. Eu, porem, vos digo que não resistais ao mal; mas, se bater na face direita, oferece-lhe também a outra; E ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te o vestido, larga-lhe a capa. E, se qualquer te obrigar a caminhar uma milha, vai com ele duas. Dá a quem te pedir, e não te desvies daquele que quiser que lhe emprestes.Vocês ouviram o que foi dito: 'Ame o seu próximo e odeie o seu inimigo'. Mas eu digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos de seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos. Se vocês amarem aqueles que os amam, que recompensa vocês receberão? Até os publicanos fazem isso! E, se saudarem apenas os seus irmãos, o que estarão fazendo de mais? Até os pagãos fazem isso! Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o Pai celestial de vocês. Aqui está à verdadeira doutrina de Jesus, não temos base nem nos evangelhos e nem nas epístolas paulinas e gerais para pedirmos a Deus a sua justiça! Deus sabe como agir, não precisamos comandá-lo, é Ele quem comanda tudo em nossa vida. Estas supostas orações são macumbas disfarçadas no meio evangélico, jamais o nosso Deus age desta maneira. Se ele quiser tirar a vida de algum dos nossos inimigos é por sua conta própria, não podemos de maneira nenhuma pedir isso a Deus. No Novo Testamento não temos base para estas orações tolas e cheias de ódio e vinganças. Jesus Cristo é paz, luz, amor e só nos ensina o bem! Quem está praticando tais coisas devem pedir perdão ao Senhor e cessar imediatamente com estas rezas satânicas. A oração precisa estar totalmente dentro da vontade de Deus para ser ouvida (I Jo 5.14-15), até mesmo certas orações que estamos pedindo a Deus alguma coisa que almejamos em nossas vidas, Ele nos diz: NÃO! Pois Ele bem sabe o que é bom para nós e nós não sabemos absolutamente nada do que vai acontecer no futuro. Se Deus não ouve nem estas petições, muito menos ouvirá estas rezas diabólicas! Agora pedir a Deus livramentos, proteção, direção, cura divina, providências, batismo com o Espírito Santo e tantas outras coisas que necessitamos é Bíblico e Deus nos atende. E se alguém nos persegue, oremos por estas pessoas para que Deus opere nestas vidas que estão sendo usadas pelo o inimigo, mas orar para Deus matar não tem ensinamento dentro do Novo Testamento para assim fazermos. Há irmãos que eu conheço que Deus na sua soberania ceifou a vida do seu inimigo, mas eles não pediram isso ao Senhor. A conclusão Bíblica é esta: Não é correto pedir justiça a Deus, mas sim pedir a conversão dos nossos inimigos a Deus. Devemos pedir que Jesus os abençoe e nos guarde de suas ciladas. E quando pedimos estas Bênçãos ao Senhor, Deus nos livra, nos protege e pode até salvar estas pobres vidas trazendo-as para si! Ao terminar este artigo deixo este trecho da Palavra de Deus para a sua meditação (Leia Lucas 9.51-56)
 
DEUS VOS ABENÇOE!
 
Autor Pr Marcelo Gonçalves
   
Escritor de Deus
Enviado por Escritor de Deus em 18/03/2013
Alterado em 18/03/2013
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários